Fisiologia e Defesa Sanitária Animal

CARGA HORÁRIA:
160 HORAS
DISPONÍVEL POR:
60 DIAS
HORAS COMPLEMENTARES
30 HORAS

Pra quem é este curso:

* Curso restrito para graduados e estudantes da área mediante documentação.

Profissionais e acadêmicos de Medicina Veterinária.

Sobre o Curso?
O que você vai aprender

O curso Fisiologia e Defesa Sanitária Animal por meio da Educação a Distância oferece ao profissional de Medicina Veterinária o conhecimento sobre fisiologia animal e os principais grupos de doenças bacterianas e virais de interesse econômico.

  • Constituição e Fisiologia Celular;
  • Sistema Nervoso;
  • Divisões anatômicas, Neurônio, Papel das sinapses;
  • Potencial de ação, Condução do impulso nervoso;
  • Fisiologia Neuromuscular;
  • Potencial de ação no músculo;
  • Contração do músculo cardíaco;
  • Arco reflexo;
  • Diferenças funcionais entre o sistema nervoso autônomo simpático e parassimpático sobre feixes musculares;
  • O SNA simpático e parassimpático;
  • Os neurotransmissores;
  • Sistema renal;
  • Filtração glomerular;
  • Equilíbrio ácido-base;
  • O papel do sistema tampão no equilíbrio ácido-base;
  • O papel do sistema respiratório no controle do ph;
  • Influências hormonais sobre as funções renais;
  • Função cardiovascular;
  • Sistema porta-hepático, porta-renal, porta-hipotálamo hipófise;
  • Impulsos elétricos e batimentos cardíacos;
  • Sistema nervoso simpático e parassimpático atuando sobre o sistema cardiovascular;
  • Pressão sanguínea;
  • Estrutura e função dos capilares sanguíneos;
  • Controle metabólico do fluxo sanguíneo e Controle neuro-hormonal do fluxo sanguíneo;
  • Sistema respiratório;
  • Respiração ao nascimento;
  • O controle parassimpático e simpático;
  • A troca de gases nos alvéolos;
  • Transporte de oxigênio no sangue;
  • O controle da ventilação;
  • Sistema endócrino;
  • Química de hormônios;
  • Interação hormônio-receptor;
  • Mecanismos de retroalimentação positiva e negativa;
  • Principais glândulas endócrinas e seus respectivos hormônios;
  • Fisiologia do Estresse;
  • Estresse e reprodução, Estresse de temperatura;
  • Fisiologia da reprodução em fêmeas;
  • Puberdade, Foliculogênese, Ciclo ovariano, Ciclo estral, Gestação e parto;
  • Fisiologia da Reprodução em Machos;
  • Revisão anatômica do sistema reprodutor masculino;
  • Gametogênese masculina, Espermatogênese, Espermiogênese;
  • Controle da espermatogênese e maturação espermática;
  • Preparação do espermatozoide para fecundação;
  • Proteínas plasmáticas seminais e fertilidade;
  • Fisiologia da lactação;
  • Morfologia da glândula mamária;
  • Funções da ocitocina e da prolactina na produção e ejeção do leite;
  • Composição do leite;
  • Fisiologia geral da digestão;
  • Regulação da função gastrintestinal - GI;
  • Atuação da inervação extrínseca;
  • Sistema endócrino intrínseco;
  • Motilidade das vias GI;
  • Apreensão do alimento;
  • Velocidade de esvaziamento gástrico;
  • Secreções digestivas;
  • Sistema parassimpático na regulação das glândulas salivares;
  • Secreção de HCl pelas glândulas gástricas;
  • Secreção de Pepsina, Secreções Pancreáticas, Secreção Biliar;
  • Bases da digestão nos ruminantes;
  • Bases anatômicas da digestão dos ruminantes;
  • Princípios da digestão em ruminantes;
  • Introdução;
  • O agronegócio;
  • Os principais produtos pecuários no agronegócio;
  • Definições gerais de importância em Defesa Sanitária;
  • Notificação;
  • Noções de epidemiologia;
  • Programa Nacional de Erradicação da Febre Aftosa;
  • Programa Nacional de Erradicação e Controle da Febre Aftosa - PNEFA;
  • Legislação;
  • Medidas sanitárias na zona afetada;
  • Justificativas das restrições nas zonas definidas;
  • Objetivos específicos ou componentes;
  • Sanidade avícola;
  • O vírus da influenza aviária;
  • O vírus da doença de newcastle (VDN);
  • Micoplasmose aviária;
  • Programa nacional de controle e erradicação da Brucelose e da Tuberculose - PNCEBT e estudo da Brucelose e da Tuberculose nas espécies de importância econômica;
  • Instrução normativa DAS nº06, de 08 de janeiro de 2004;
  • Certificação de propriedades livres de brucelose e tuberculose;
  • Controle do trânsito de reprodutores e normas sanitárias para participação em exposições, feiras, leilões e outras aglomerações de animais;
  • Habilitação e capacitação de médicos veterinários;
  • Papel do médico veterinário do setor privado;
  • Papel do produtor;
  • Diagnóstico e apoio laboratorial;
  • Participação do serviço oficial;
  • Educação sanitária;
  • Programa nacional de sanidade dos equídeos - PNSE;
  • Anemia infecciosa eqüina;
  • Vacinas contra a AIE;
  • Mormo;
  • Normas para a prevenção e o controle da A.I.E.;
  • Normas para o controle e a erradicação do mormo;
  • Programa nacional de sanidade suídea;
  • Peste suína clássica;
  • As ações recomendadas em caso suspeito de peste suína clássica;
  • Notificação das autoridades;
  • Controle;
  • Peste suína africana;
  • Doença de aujeszky (pseudoraiva);
  • Programa nacional de controle da raiva dos herbívoros e outras encefalopatias;
  • Raiva dos herbívoros;
  • Encefalopatia espongiforme bovina;
  • A causa da EEB e das outras EETs;
  • Coleta do encéfalo de bovinos para exame laboratorial;
  • Programa nacional de controle da raiva dos herbívoros;
  • Referências Bibliográficas.